Pesquise neste blog

sábado, 2 de junho de 2012

RONDA OCUPA RUAS DO CENTRO DE FORTALEZA

Fonte:  DN



A ação contou com a participação de 40 militares, entre praças e oficiais do Batalhão de Polícia Comunitária.

O Batalhão de Policiamento Comunitário (BPCom) desencadeou uma operação no começo da noite de ontem, no Centro de Fortaleza. A ação ocorreu um dia depois de denúncias publicadas pelo Diário do Nordeste revelando os constantes assaltos registrados no quadrilátero formado pelas ruas São Paulo, Guilherme Rocha, Princesa Isabel e Avenida Imperador. 
À frente da operação, o comandante do Ronda do Quarteirão, coronel PM Alencar, percorreu a pé as ruas onde os bandidos vinham aterrorizando a população, como a Guilherme Rocha, Princesa Isabel e a Avenida Imperador fotos: Lucas de Menezes


O comboio formado por cinco viaturas e um micro-ônibus, além de uma equipe da Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC), saiu da sede do BPCom, por volta das 18 horas. O primeiro ponto das abordagens foi a Rua Princesa Isabel. 

Na manhã de anteontem, equipes do Ronda do Quarteirão já haviam ido ao cortiço localizado no número 377 da mesma rua. O imóvel, segundo denúncias, era ponto de apoio de marginais que agiam naquela área. Na ocasião, os PMs encontraram 64 pedras de crack; vários celulares, chips, máquinas fotográficas e três cadernos com nomes de possíveis usuários de drogas. 

Moradores

Ontem, a movimentação de aproximadamente 40 policiais militares, entre praças e oficiais, chamou a atenção dos moradores da Rua Princesa Isabel. 

"O que aconteceu?", indagou uma moradora. A resposta foi dada pessoalmente pelo comandante do BPCom, tenente-coronel Roosevelt Alencar. "É a Polícia na rua", disse. Após responder a indagação da dona de casa, que pediu à Reportagem para não ser identificada, -o oficial se identificou e recebeu elogios pela iniciativa, seguidos de pedidos de continuação das operações naquela área. "Aqui está muito perigoso", disse. 

Os policiais seguiram realizando abordagens a pessoas suspeitas. Cerca de duas horas depois do início da operação, uma arma de fogo foi apreendida e dois homens presos, acusados de tentar roubar a moto de um homem que chegava em uma igreja evangélica. A dupla foi levada para o 34º DP (Centro). 

Até o fechamento desta edição, os militares haviam realizado 230 abordagens em bares e pessoas suspeitas nas ruas. Segundo Alencar, patrulhas serão deslocadas para aquela área do Centro diariamente. 

Contudo, o oficial ressaltou que somente a Polícia não conseguirá resolver o problema dos roubos e furtos ali. "Precisamos de ações sociais nessa região, principalmente para os usuários de drogas", afirmou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

DEIXE AQUI O SEU COMENTÁRIO ...

PODE AINDA APROVEITAR ESSE ESPAÇO PARA FAZER DENÚNCIAS