Pesquise neste blog

domingo, 24 de junho de 2012

SOBRAL: ACUSADO DE ASSALTO FOI BALEADO DEPOIS ATIRAR NA POLÍCIA

Fonte: Plantão Alerta
Na noite de ontem, sábado 23 / 06 por volta das 20:00 horas, um assaltante foi baleado, quando trocou tiro com a policia, depois de estarem fugindo após um assalto. Eram 4 elementos que realizaram o assalto no posto 444 em duas motos que foram levadas de assalto na noite de da ultima sexta-feira, na estrada da localidade do Remédio, uma moto Brox vermelha de placa HXZ 0770 de Ce-Miraima e a outra um Fan preta. Eles conseguiram realizar o assalto e empreenderam fuga. 


A policia foi acionada e com as características dos indivíduos, conseguiu localizar os elementos, próximo ao matadouro público de Sobral, já próximo ao setor ll. Segundo o Sargento Sturdant, quando localizou os acusados, e que eles visualizaram a policia, foram logo atirando contra a viatura, a policia reagiu, e conseguiu balear um dos assaltantes que foi identificado por Francisco Cleiton da Silva, mais conhecido por “PEZÃO”, residente no bairro Alto da Brasília. 

Os outros conseguiram evadir-se no momento do confronto. A policia conseguiu apreender um revolver calibre 38 com 6 munições, quatros intactas e duas deflagradas, foi recuperado o valor de duzentos e onze reais que estava com o assaltante, valor confirmado pelo gerente do posto. O acusado Cleiton foi levado para o hospital Santa Casa, onde ia submeter-se a uma intervenção cirúrgica. Informações do Sargento, que o acusado é o mesmo que praticou no dia de ontem sábado, assalto em uma loja no centro. A equipe que estava na ocorrência, do Sargento Sturdant e Cabo Aragão, com o apoio do Ronda do Quarteirão.









MOMENTO DA CHEGADA DO ACUSADO NO HOSPITAL


MOTO QUE FOI LEVADA DE ASSALTO E ESTAVA SENDO USADA PELOS ASSALTANTES





REVOLVER DO ASSALTANTE


ARMA QUE FOI USADA NO ASSALTO PELO ACUSADO E O DINHEIRO LEVADO DE ASSALTO RECUPERADO

Nenhum comentário:

Postar um comentário

DEIXE AQUI O SEU COMENTÁRIO ...

PODE AINDA APROVEITAR ESSE ESPAÇO PARA FAZER DENÚNCIAS